o líquen, a lama, o lodo

MOTE PARA UM BOM LIVRO

“encontrei num dos meus cadernos alguns dizeres proféticos (consternada com a poesia portuguesa dos anos noventa):

é necessário retirar do poema: o líquen, a lama, o lodo bem como o esperma e tudo que seja verde.”
No blogue da Livraria Trama.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s