“entre um barco e outro deves lavar/os teus olhos sempre que voltes a olhar o mar”

SUGESTÕES DE LEITURA

“em pé sobre a visão submersa dos anjos/
nada é tão impossível para que não me dissesses/
entre um barco ou outro deves lavar/
os teus olhos sempre que voltes a olhar o mar”

joaquim cardoso dias
o preço das casas
entrada de emergência
gótica
2002

– copiado do #poesia, sítio do costume.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s